História da FADBA

 
 
 
 
 

2019

Inaugurado o novo auditório central com a presença dos presidentes da Divisão Sul-Americana, pr. Erton Koeler, líderes da mantenedora e todos os pastores da União Leste Brasileira. Realizada a primeira feira de ministérios com cerca de 100 representações. Inauguradas três novas salas de aulas para a metodologia ativa no prédio universitário. Início do curso superior de nutrição com surpreendente entusiasmo. Equipe do International Boarding Education avaliou o curso de odontologia e aprovou sua continuidade. Foi inaugurado o novo centro de esterilização. Grupo de pesquisadores da FADBA foram destaques no Encontro Sul-americano na Argentina pela quantidade e qualidade dos trabalhos. O SALT realizou curso de mestrado com aulas nas terras bíblicas com cerca de 50 alunos. Preparos são feitos para a festa de aniversário dos 40 anos.

 
 
 
 
 

2018

Assumiu a direção geral da FADBA o pr. Eber Liessi. Se deu início ao projeto intitulado "Lidere o Amanhã", no qual mais de 100 alunos promissores foram recebidos para estudar com suporte financeiro compartilhado entre diversas instituições. Foram assinados convênios de colaboração nas áreas de saúde com a Universidad de Montemorelos e Loma Linda University, além de diversas universidades adventistas na América do Sul. A equipe do International Boarding Education aprovou os novos cursos superiores de direito e nutrição. O MEC autorizou o funcionamento do curso de direito com nota máxima. Foram inauguradas novas salas de aulas para servirem ao novo modelo de metodologia ativa. Foi concluído o processo de unificação de todas as faculdades sob a estrutura da FADBA. Foi construído e inaugurado o novo restaurante Bahia Verde Executivo. Iniciaram-se as obras de reforma de todos os apartamentos dos residenciais.

 
 
 
 
 

2017

A FADBA recebeu grandes investimentos e reformou sua portaria, construiu o centro de convivência no prédio universitário, estacionamentos adequados, reforma da igreja, terminou os calçamentos de todo o câmpus, e inaugurou uma loja da Casa Publicadora Brasileira, numa celebração que contou com a presença de líderes de toda a Igreja Adventista do Sétimo Dia da América do Sul.

 
 
 
 
 

2016

A FADBA oficialmente inicia o primeiro curso de odontologia numa escola adventista na América do Sul com grande entusiasmo de alunos, líderes, professores e comunidade. Foram inaugurados os laboratórios e a clínica dental num investimento ousado que contou com doadores nacionais e internacionais

 
 
 
 
 

2015

A equipe do International Boarding Education fez as avaliações prévias e aprovou o novo curso superior de odontologia, e o MEC também dá sua autorização. Começaram as construções dos laboratórios dentais. Foi também loteado uma parte da fazenda e foi lançado o condomínio Colinas Park Residence, cuja procura por lotes surpreendeu a comunidade.

 
 
 
 
 

2014

 

 
 
 
 
 

2013

 

 
 
 
 
 

2012

 

 
 
 
 
 

2011

  • Ocorre no campus a apresentação do Gaither Vocal Band, um dos maiores grupos gospel de todos os tempos.
  • Realizada a Aventura Carajá.
  • IAENE recebe o CRUASA (Comissão dos Reitores Universitários Adventistas Sul Americanos).
 
 
 
 
 

2010

O famoso grupo Gaither Vocal Band se apresentou no câmpus. Foi realizada a Aventura Carajá. E o IAENE sedia o Conselho de Reitores das Universidades Adventistas Sul-Americanos (CRUASA).

 
 
 
 
 

2009

Foi realizado o primeiro SPA de férias pela Clínica-escola. Com a presença do governador Jaques Wagner e de mais 12mil pessoas, o IAENE comemorou 30 anos com o primeiro reencontro de IAENENSES. Aconteceu também o Simpósio Teológico Sul-Americano.

 
 
 
 
 

2008

Foi inaugurada a nova ala do residencial feminino. E sob a direção do prof. Pablo Sancehz, foi gravado o CD do Coral Universitário sob o título "Somos Um". Também foi realizado o I Congresso Científico da Faculdade Adventista da Bahia.

 
 
 
 
 

2007

 

 
 
 
 
 

2006

Assumiu como diretor geral o pr. Gilberto Damasceno.  Foi iniciado o Núcleo de Pós-Graduação. Foi inaugurada a nova ala do residencial masculino.

 
 
 
 
 

2005

A Praça da Amizade recebeu uma nova roupagem, com direito à gazebos e espelho d'água. Mais alamedas do câmpus receberam calçamento.

 
 
 
 
 

2004

O IAENE adquiriu geradores e instalou um nova caixa d'água. O aniversário de 25 anos movimentou sete mil pessoas. Foi inaugurada a biblioteca, localizada ao lado do prédio do SALT.

 
 
 
 
 

2003

Sob a direção do pr. José Elias Zanotelli, foi inaugurada a igreja do IAENE após 11 anos de construção. Também foi criada a Praça Milton Afonso dando fim à quadra central. Aconteceram as primeiras formaturas de fisioterapia e pedagogia. O IAENE recebeu o 1º ENDESCA, Encontro Desportivo dos Colégios Adventistas do Nordeste.

 
 
 
 
 

2002

Aconteceu a primeira formatura do curso de administração. Aconteceu o I Congresso de Criacionistas e o I Congresso Universitário feito pela UNIVIR.

 
 
 
 
 

2001

Foi criada a marca "Faculdade Adventista da Bahia". As quadras do polo esportivo foram cobertas. Foi inaugurada a Clínica-escola, uma das mais modernas do país para a época. Foi montada a Associação dos Universitários Adventistas do IAENE, a UNIVIR, a partir da Escola Sabatina dos Universitários e do Coral Universitário.

 
 
 
 
 

2000

Aconteceu o Projeto NewStart, com o Dr. Sang Lee, que motivava um viver saudável através dos oito remédios da natureza. O internato do IAENE foi destaque na revista ISTOÉ. O curso de fisioterapia foi destaque na revista do Conselho Federal de Fisioterapia. O IAENE recebeu auxílio da oferta mundial da Escola Sabatina para seus projetos de avanço.

 
 
 
 
 

1999

O SALT criou o Instituto de Evangelismo, confirmando a vocação que se tornaria o diferencial mundial do curso de teologia do IAENE. Entrou no ar a primeira versão do site do IAENE na internet. Construído o Edifício Maranata, para moradia de professores e funcionários. Lançado o vídeo institucional 1999.

 
 
 
 
 

1998

Em cerimônia que tem a presença do Governador do estado, César Borges e do Senador Paulo Souto, além de líderes eclesiásticos e civis, são lançados os cursos superiores do IAENE, efetivando a transformação da escola em uma instituição universitária. Logo em seguida é lançado o primeiro vestibular para o curso de administração, que tem a primeira turma se iniciando no mês de agosto. • É construída a nova portaria da escola. • É realizado o primeiro vestibular dos três cursos em conjunto, no mês de novembro.

 
 
 
 
 

1997

Os grupos musicais da instituição, sobre a gerência do prof. Carlos Santana, gravaram o primeiro trabalho histórico da escola de música. É o CD "Louvor e Exaltação". Além disso, iniciou-se o projeto da "Banda Sinfônica". Começaram as construções dos prédios que abrigariam o ensino superior.

 
 
 
 
 

1996

Assumiu a direção geral o pr. Clóvis Bunzen Júnior. Foi inaugurada a piscina. Começaram os estudos para a implantação do ensino superior. As primeiras propostas seriam administração, pedagogia, fisioterapia e ciência da computação.

 
 
 
 
 

1995

Foram realizados os primeiros jogos internos de toda a instituição. Iniciou-se mais um curso no ensino médio: técnico em enfermagem.

 
 
 
 
 

1994

Foi criado o Conjunto de Sinos. Foi montado o complexo poliesportivo.

 
 
 
 
 

1993

O gado do IAENE recebeu uma série de prêmios nacionais. Foi construído o Edifício Shalom, para residência de funcionários e professores. O IAENE sediou o encontro de professores de toda a rede educacional adventista na região este-brasileira, que na época abarcava desde o Piauí até o Rio de Janeiro.

 
 
 
 
 

1992

Iniciou-se a construção do templo da instituição. Em setembro foi realizado o primeiro mutirão para colocação das fundações. Instalou-se a telefonia geral.

 
 
 
 
 

1991

Assume a direção geral o pr. Zeferino Stabnov. Sendo uma das características do IAENE o senso de amizade, foi construída a Praça da Amizade, como um monumento de incentivo à esta prática. Foi escolhido o local do futuro templo, ao lado da escola de música, onde era o campo de futebol. Foi lançada a pedra fundamental.

 
 
 
 
 

1990

Efetuada a primeira reforma de ampliação do residencial masculino. Começou-se a construção do prédio da escola de música. Iniciou-se mais um curso no ensino médio, o técnico em magistério.

 
 
 
 
 

1989

A horta foi retirada da área central e transferida para espaços alternativos. A pecuária começou a se desenvolver fortemente.

 
 
 
 
 

1988

O ensino médio, em franco crescimento, começava agora a disputar espaço com o recém-chegado SALT. Por isso, foi construído, em tempo recorde, um novo prédio de aulas, que também abrigava a administração da instituição. Para lá foi transferida a escola básica, além do único telefone da instituição na época.

 
 
 
 
 

1986

Terminada a construção do residencial feminino, chegada do Seminário Latino-Americano de Teologia (SALT), transferido do ENA, e novo ritmo de crescimento.

 
 
 
 
 

1985

Assumiu como diretor geral o pr. Ner Costa Souza. Começa a urbanização do câmpus. Foram criadas as alamedas para carros e pedestres e começou a construção do residencial feminino.

 
 
 
 
 

1984

Sob a direção geral do pr. Daniel Baía, foi implantado mais um curso no segundo grau, o científico, que depois viria a se tornar o padrão de ensino médio. Em outubro, o IAENE recebe a ilustre visita do presidente mundial da Igreja Adventista, pr. Neal Wilson.

 
 
 
 
 

1983

Tendo como diretor geral o pr. Gustavo Pires, acontece a primeira formatura do ensino médio, com nove que concluíram contabilidade e 29 em habilitação básica em saúde.

 
 
 
 
 

1982

Concluída a construção do residencial, que foi dividido para atender moças e rapazes. O edifício atualmente é a ala antiga do residencial masculino. O refeitório também foi terminado.

 
 
 
 
 

1981

Foi implantado o ensino médio, antigo segundo grau. Os cursos oferecidos eram contabilidade e habilitação básica em saúde. Deu-se início à escola de música, e o prof. Rossine cria o Coral Sibélius, que manteve esse nome até 1996. Iniciaram-se as construções do prédio residencial e elaborada a primeira grande horta.

 
 
 
 
 

1980

Nesse ano foi implantado o segundo curso regular da instituição, o ensino fundamental, conhecido na época como primeiro grau. Na área espiritual aconteceu o primeiro batismo, ministrado pelo pr. Aliomar Araújo. O local foi um lago localizado atrás do câmpus, ao lado da atual linha férrea. Na ocasião do primeiro aniversário, inaugurou-se a épica quadra poliesportiva central, que se tornou o grande ponto de encontro do internato. Ela foi desativada em 2003, por ocasião das construções da Praça Milton Afonso. E o mais famoso cartão-postal do câmpus foi construído na ocasião: a caixa d'água em forma de tampa de caneta.

 
 
 
 
 

1979

Começa a funcionar a escola com um curso supletivo com 25 alunos, todos bolsistas, sob a direção do prof. Valcy Valfredo Santos. Naquela época, usava-se o mesmo casarão, localizado defronte ao prédio administrativo, para a administração, os dormitórios, o refeitório e a cozinha, os cultos de sábado e as aulas. E chegou o histórico dia 14 de outubro de 1979! Aquela foi a data oficial de lançamento da pedra fundamental do Instituto Adventista de Ensino do Nordeste. Mais de 600 pessoas estiveram presentes na grande celebração, que contou com a presença de várias personalidades da mantenedora na época, como o pr. George Babcok (Associação Geral), pr. Nevil Gorski (Divisão Sul-Americana); pr. Carlos Borda (União Este Brasileira); pr. Corino Pires (União Este Brasileira); pr. Alfredo Hollz (Missão Bahia); pr. Afrânio Feitosa (Missão Bahia), representantes do governo municipal e funcionários da instituição. No púlpito haviam dois tijolos dentre os primeiros feitos na "Fábrica de pré-moldados do IAENE", sendo o primeiro entregue ao dr. Milton Afonso e o segundo colocado dentro da base da pedra fundamental.

 
 
 
 
 

1978

A escritura de compra da Fazenda Capoeiruçu foi assinada no dia 23 de fevereiro na Sala da Câmara Municipal de Cachoeira, antigo Paço Municipal. A quitação da compra foi efetivada pela Golden Cross, na pessoa do dr. Milton Afonso, importando, na época, na quantia de três milhões de cruzeiros. Nesse ano, a Missão Bahia enviou seus funcionários pioneiros, José Pereira da Silva e Arnaldo Ferreira. No dia 2 de abril, uma caravana oficial composta de administradores, pastores e funcionários do referida Missão realizou o primeiro culto, tendo como orador seu então presidente, o pr. Alfredo Holtz. O local usado foi a antiga casa da fazenda, localizada onde hoje fica o edifício Shalom. As construções iniciais foram lideradas pelo professor José Maria Bertolucci e pelo engenheiro agrônomo Earl W. Witzel, ambos vindos do Educandário Nordestino Adventista. Em primeiro lugar foi erigido o prédio principal da escola, localizado defronte do que hoje é o prédio administrativo. Aquele seria o casarão central, onde funcionaria praticamente tudo. O plano piloto foi elaborado pelo arquiteto Eduardo Lula e a administração da construção ficou a cargo do pr. Walcy W. Santos que, além de diretor geral, era também o gerente e diretor interno. Nesse mesmo ano começou funcionar uma fábrica de blocos e pré-moldados, que se localizava onde hoje é a área de produção da escola.

 
 
 
 
 

1977

Pode-se dizer que esse foi o primeiro ano da pré-história da instituição. Depois de muito tempo de sonho, finalmente, em julho, a União Este-Brasileira da IASD decidiu pela implantação de mais uma escola em nível de internato. Dessa vez, o estado da Bahia foi o contemplado! Após a deliberação, uma equipe de líderes da então Missão Bahia começou a inspeção de fazendas para a implantação da escola. Mais de 20 propriedades foram vistoriadas. Finalmente, no mês de outubro, foi adquirida de Clóvis Vasconcelos a Fazenda Capoeiruçu, localizada no município de Cachoeira, às margens da BR 101.

Olá! Eu sou a Ane.
Posso ajudar?